24/03/08

Adeus Marlene

Não devia ter acontecido, mas infelizmente aconteceu! A Marlene foi encontrada morta no dia 22 de Março à tarde, a poucas centenas de metros a sul do lugar das Coriscadas.

Adeus Marlene. Descansa em paz.

2 comentários:

Jofre Alves disse...

Deixo o meu comentário neste triste artigo sobre o destino trágico duma conterrânea minha para lamentar a sua morte, mas à parte disso, para elogiar este extraordinário blogue que percorri com cuidado e atenção. Uma maravilha a quem deixo os meus sinceros parabéns pela qualidade. Voltarei mais vezes. Boa semana.

Bocanegra disse...

Caro Jofre,

Apesar das tristes circunstâncias é para mim um verdadeiro privilégio contar com a sua visita neste meu singelo blog.

É um privilégio porque conheço bem a sua profícua e interessantíssima obra sobre a Cultura e a História de Paredes de Coura na Blogosfera e, sobretudo, porque sei que o Jofre é um provavelmente o mais distinto e sábio dos bloguistas minhotos e nessa medida é para mim uma incontornável referência.

Obrigado pelo seu elogio e saiba que fico mesmo a aguardar as sua visitas, os seus comentários, as suas críticas, os seus reparos e tudo o mais que se lhe oferecer dizer sobre este Blog!

Abraços sinceros